1º VICE INAUGURA SALA DO NUGEQ E GALERIA DE HOMENAGEM

QUARTA-FEIRA, 15 DE JANEIRO DE 2020 ÀS 13:33

De iniciativa do Presidente em Exercício e 1º Vice-Presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA), Desembargador Augusto de Lima Bispo, a galeria em homenagem aos Desembargadores que já passaram pelo cargo de 1º Vice-Presidente foi inaugurada na tarde de terça-feira (14). O painel está fixado na sala da 1ª Vice-Presidência, localizada no edifício-sede do Judiciário baiano, Centro Administrativo da Bahia.

Acesse aqui a galeria de fotos do evento

“A galeria representa um registro importante do que aconteceu no passado, fazendo justiça pelo trabalho excelente que todos fizeram. O Tribunal tem um ganho enorme com ela”, afirma o Magistrado.

Sete Desembargadores antecederam o atual 1º Vice-Presidente nesse cargo. Clique aqui e confira a lista dos 1º Vice-Presidentes do TJBA.

Representando a Desembargadora Vera Lúcia Freire de Carvalho (já falecida), a sua irmã – Lia Freire de Carvalho – falou da importância em receber essa homenagem: “a vida dela foi toda dedicada à Justiça e ao Tribunal de Justiça”.

Nugeq
Na ocasião, também foi inaugurada a sala do Núcleo de Gestão da Qualidade (Nugeq), com a presença de Desembargadores e outras autoridades locais. O Núcleo, criado na gestão do Desembargador Augusto, possui como atribuição acompanhar e ampliar as unidades certificadas e busca expandir a implantação do Sistema de Gestão de Qualidade (SGQ), é comandado pela 1ª Vice-Presidência.

Para a implantação do SGQ, o Nugeq contratou empresa de consultoria da qualidade, realizou mapeamento de processos, adquiriu exemplares da Norma Técnica e promoveu cursos de capacitação.

O Desembargador Augusto de Lima Bispo ressaltou a importância do Nugeq. Para o Magistrado, a gestão da qualidade é muito importante e, com ela, foi dado um passo fundamental para fortalecer o trabalho no Judiciário baiano.

“Antigamente, essa área você só via nas empresas privadas. Hoje estamos caminhando a passos largos, com a inauguração dessa sala, e o tribunal só tem a ganhar com esse Núcleo de Gestão da Qualidade.”